Hoje é 15 de dezembro de 2017

Lucro do Simples Nacional: é fácil distribuir!

A distribuição de lucros de uma empresa optante pelo Simples Nacional pode ser feita de forma prática e fácil. Em linhas gerais, o cálculo da distribuição de lucros aos sócios segue três modelos básicos:

Para empresas de serviço

Atualmente, as leis tributárias permitem que o lucro isento de impostos distribuído entre os sócios será de no máximo 32% da receita total da empresa. Ou seja, é preciso calcular esse percentual antes de qualquer divisão.

 

Para empresas que atuam no comércio

Pela legislação tributária vigente, é permitido que o lucro isento de impostos possa ser repartido entre os sócios em, no máximo, 8% da receita.

Para empresas mistas (vendas de produtos e prestação de serviços)

Neste caso, deverá ser observado do balanço financeiro da empresa. Ou seja, é preciso saber o quanto deste lucro se refere à prestação de serviço e o quanto se refere ao comércio. E, assim, aplicam-se as regras correspondentes a cada tipo de situação, citadas acima.

Não esqueça que a distribuição de lucros só é válida se o balanço financeiro da sua empresa aponta lucro acumulado. Para esclarecimentos de dúvidas, orientação e assessoria, nós do Multiescritório estamos aqui para te ajudar!